Pessoas Físicas têm mais dois meses para enviar a Declaração à Receita Federal

A Receita Federal vem aos poucos estudando e divulgando novas formas de ajudar os contribuintes a organizarem seus documentos e finanças na atual crise econômica, decorrente da pandemia do coronavírus, dentre elas o adiamento de prazos de envio de declarações e de pagamento de tributos.

Na segunda quinzena do mês de março especialmente as Micro e Pequenas empresas foram foco das medidas divulgadas.

 

Simples Nacional – novo prazo para Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais (Defis) 2020

Empresas do Simples Nacional têm prazos de pagamento postergados

 

Agora, mais uma medida excepcional tomada pela Receita Federal foi divulgada ontem, 01/04, durante a coletiva de imprensa no Palácio do Planalto (assista no tempo 1:59:32), o adiamento do prazo limite para entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física do ano-base 2019-2020.

Antes programado para 30 de abril, o prazo de envio da DIRPF foi aumentado por dois meses. A nova data limite para entrega é 30 de junho de 2020.

Ainda não há novo calendário para recebimento de restituições.

Lembramos que se você, pessoa física, operou em 2019 com criptoativos, deve ficar atento às orientações e obrigatoriedade de declarar seus ativos digitais. Temos vídeos sobre isso no canal Descomplicando o Direito, onde você poderá observar as mudanças nesse assunto desde 2018 até aqui. E também oferecemos um curso especial com o passo a passo de como preencher dados dessas operações cripto na sua DIRPF, seguindo os requisitos do ano-base 2019-2020. Links abaixo:

Canal Descomplicando o Direito

Curso Como declarar suas criptomoedas no Imposto de Renda da Pessoa Física

Start typing and press Enter to search

Quem vai regular a aplicação da LGPDpis pasep e cofins e1586198729807